5 Dicas para controlar a ansiedade


Por Marcia Kedouk

Mais de seis em cada dez brasileiros se sentem ansiosos. A ciência comprova que algumas atitudes ajudam a diminuir as chances de sofrer com isso.

1. Parar de se comparar com os outros
Metade das pessoas que usam as redes sociais com muita frequência sente que o hábito interfere negativamenteno próprio comportamento, segundo um estudo inglês. Um dos motivos é que elas acreditam que a timeline do vizinho é sempre mais azul. Como os usuários tendem a postar fotos de viagens, jantares, festas e outras cenas felizes, a impressão de ter ficado para trás no sofá de casa é grande. Mas a verdade é que, de perto, todo mundo é normal.

2. Reassumir o controle

A mesma pesquisa inglesa indicou que seis em cada dez participantes se dizem incapazes de ignorar o smartphone, o computador ou o tablet. Eles só conseguem dar um tempo se tomarem uma atitude drástica: desligar os aparelhos. Mas aí, a vontade de saber se estão perdendo algo aumenta – e a tendência é de voltarem ao mundo online. A sensação de impotência é natural, dizem os pesquisadores. Quem é predisposto a ter ansiedade vê a tecnologia como um fator de pressão. O sentimento é de estar mais sobrecarregado e inseguro com tanta informação na cabeça. Para sair dessa, a orientação é assumir o controle da situação e estabelecer limites, mesmo que pequenos. Por exemplo, deixando de acessar e-mails da empresa depois de sair do trabalho.

3. Cuidar das relações

Outro gatilho de ansiedade apontado pelo estudo é que participar ativamente das redes sociais pode fazer com que você desenvolva uma personalidade combativa, prejudicando relações pessoais e de trabalho. E esses contratempos geram mais ansiedade. Veja se você não entrou no piloto automático do ataque a opiniões diferentes ou tente não comprar cada briga online.

4. Ouvir música

Cientistas da universidade McGill, no Canadá, relataram que ouvir música aumenta em 9% a produção de dopamina, relacionada ao prazer. O crescimento é comparado a outras experiências que ativam o centro de recompensa do cérebro, como a comida e o dinheiro.

5. Meditar por 1 minuto

A meditação Mindfulness, que quer dizer “atenção plena”, é uma prática budista que o mundo ocidental transformou em tratamento de saúde. Adotada por psicólogos e psiquiatras, ela não só relaxa como treina o foco para o presente, efeito bem-vindo para ansiosos.

O forte dela é a simplicidade. Um dos exercícios é ficar sentado por um ou dois minutos numa posição confortável – não precisa contorcer as pernas como um praticante avançado de ioga – e prestar atenção apenas na sua respiração. Dá para fazer na cadeira do escritório. Com o tempo, a ideia é que o cérebro aprenda a lidar com o stress e a viver no hoje em vez do amanhã.

Cientistas da Universidade Johns Hopkins, nos Estados Unidos, encontraram indícios de que práticas meditativas por 30 minutos ao dia, principalmente a Mindfulness, têm efeito semelhante ao de remédios usados para tratar ansiedade e depressão leve e moderada. Eles chegaram a essa conclusão depois de revisar 47 estudos clínicos envolvendo 3.515 pessoas.

O conteúdo acima é um trecho do livro Tarja Preta – Os segredos que os médicos não contam sobre os remédios que você toma, publicado pela SUPER.

TEXTO ORIGINAL DE SUPERINTERESSANTE

Círculo da ansiedade ou o ciclo da ansiedade,  sete passos da ansiedade.

Por um momento pare para refletir!

Em que momento existe a felicidade? Se pode ser feliz no futuro ou passado?  Eu vou ser feliz! É uma frase bonita que pertence a um tempo inexistente. Eu fui feliz! É uma frase que me remete a outro tempo inexistente. Qual o tempo que existe? O presente. A felicidade só existe no aqui e no agora. Estar no presente é estar longe das neuroses da ansiedade.

E esse tal de ciclo e círculo?

Círculo é uma circunferência que pode ter um fim e sempre este fim esta no próprio circulo e o ciclo pode ser interrompido e que nos leva de volta ao estado inicial. Seja círculo o ciclo e voltar a patamares anteriores. O cachorro que corre atrás do rabo…

Primeiro passo deste ciclo é a ausência do presente. Sempre que se volta ao estado anterior está usando o passado. Estar no presente é oferecer a possibilidade de quebrar o ciclo.

Segundo passo deste ciclo é o medo de algo que foge ao controle e que só existe na imaginação. Sacrificar o presente por algo que é do amanhã é loucura.O medo é saudável quando me protege de algo real, quando é imaginário é patológico.

Terceiro passo querer controlar o futuro. Lugar incerto e inseguro. Querer controlar fatores externos é uma insanidade e pior que seja em um tempo que não existe (futuro).

Quarto passo deste ciclo é ativar o medo a não poder controlar o futuro,  aciona o sistema de defesa para proteger-se de algo que pode não aconteça. Imagina a química de proteção desenvolvida pelo corpo, ativada de forma desnecessária!

Quinto passo deste ciclo o corpo precipitadamente responde com a ansiedade. Uma forma física que o corpo responder a um sucesso futuro incerto.

Sexto passo deste ciclo o bloqueio. Paralisado e com medo o corpo não reage, por ser apenas um perigo imaginário. Com quem vai lutar? de quem vai fugir?

Sétimo passo deste ciclo é aumentar o medo e a ansiedade…

coach_giardino_ciclo_da_ansiedade

A insatisfação é gerada pela permanência no medo, provocado por uma expectativa de um tempo que não existe chamado futuro.

Se pode controlar o transito, os engarrafamentos? As grandes cidades mostram o caus e a incapacidade humana que administra o crescimento desordenado da população. Sofrer se chega ou não, sabendo que vai chegar, ou não… 

É possível prever como vai ser uma viagem de férias em todos os detalhes? Sim, no entanto será bem diferente da imagem criada pela ansiedade de ver este acontecimento.

Quando determinamos quando haverá a chuva, o calor? O homem domina com a tecnologia e sofre por um dia de chuva, por um dia de sol, como se dele dependesse o tempo. E muitas vezes esse homem depende do tempo, e sofre por não controlá-lo.

Ah! E o comportamento de alguém? Pode determinar como as pessoas vão agir ou atuar? As vezes se pode imaginar (julgar). As relações se destroem em um controle mentiroso de algo que ninguém pode controlar. Que é o comportamento do outro.

Desejar reconhecimento? Sua felicidade vai depender da opinião de outra pessoa? Tem certeza? O seu reconhecimento começa dentro de você.

Ter propósitos, sonhos e metas, é saudável, desejar crescer profissionalmente e financeiramente nos impulsiona  a ser melhores. Nada de ser melhor que o outro, nada de competição. O insano é acreditar que tudo que estou procurando seja a razão da minha felicidade.

A felicidade é intrínseca ao ser humano, uma vez consciente, desaparece a ansiedade, os medos e as ilusões. Feche o ciclo da ansiedade vivendo no presente. Planeje o futuro, deixe no papel e viva as ações presente para chegar ao seus sonhos.

Coach Giardino

Master Coach Internacional